Doenças podem ser transmitidas pelo odor? Veja teorias derrubadas

As teorias científicas começaram a ser formuladas há muitos séculos, mesmo antes de Cristo. Os conceitos e ideias estabelecidos por elas, contudo, passam por um processo constante de mudança, independentemente da área de conhecimento. É comum, por exemplo, uma teoria ser aceita por um tempo, acabar sendo substituída por outra e, séculos depois, voltar a ser estudada como uma ideia válida - como ocorreu com a teoria do heliocentrismo.

Teorias científicas começaram a ser formuladas há muitos séculos, mesmo antes de Cristo
Teorias científicas começaram a ser formuladas há muitos séculos, mesmo antes de Cristo
Foto: Getty Images

O professor de História da Ciência da Universidade de São Paulo (USP) Gildo Magalhães explica que uma teoria nunca é final. Por isso, é possível que uma ideia antes descartada possa ser resgatada e reciclada, contribuindo para a formulação de uma nova concepção, ou ainda que haja um período de convivência entre conceitos opostos. "Teorias científicas conseguem levar a um progresso e a um conhecimento mais aperfeiçoado justamente porque elas têm controvérsias", destaca Magalhães.

Você sabia que é impossível desenhar o modelo matemático da medida do Pi com régua e compasso? E que antigamente acreditavam que as doenças eram transmitidas por odores? Ao longo dos séculos, teorias famosas e que contribuíram para a evolução das pesquisas científicas acabaram sendo derrubadas pela própria ciência. Conheça detalhes de 10 dessas teorias e saiba por que elas foram substituídas.

Cartola - Agência de Conteúdo - Especial para o Terra Cartola - Agência de Conteúdo - Especial para o Terra

compartilhe

publicidade
publicidade