Inscrição no Sisu começa amanhã; Sudeste tem maioria das vagas

Sudeste concentra maioria das vagas do Sisu; MG tem maior número de instituições participantes

14 jun 2011
09h12

A partir de amanhã (15), estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2010 poderão se inscrever para disputar uma das 26 mil vagas de instituições públicas de ensino superior que serão oferecidas por meio do Sistema de Seleção Unificada (SiSU). Minas Gerais é o estado com o maior número de instituições participando da edição do segundo semestre de 2011: dez, no total. A maioria das vagas está concentrada no Sudeste (9.784), seguido pelo Nordeste (9.451), Sul (5.181), Centro-Oeste (1.168) e Norte (752). A lista completa está disponível no site do Ministério da Educação (MEC).

O Sisu foi criado pelo MEC no ano passado e unifica a oferta de vagas em instituições públicas de ensino superior. Participam desta edição 19 universidades federais, quatro universidades estaduais, 23 institutos federais e dois centros federais de Educação Profissional. Os estudantes poderão acessar o sistema a partir das 6h de amanhã até as 23h59 do dia 19. O interessado não pode ter tirado zero na prova de redação do Enem para se inscrever no Sisu.

Os candidatos devem acessar o site do MEC, sisu.mec.gov.br, e escolher duas opções de curso, elegendo sua prioridade. Ao fim de cada dia, o sistema divulga a nota de corte para cada graduação. O estudante pode mudar de opção se concluir que tem mais chance de ser aprovado em outra instituição ou em outro curso. Cada alteração invalida a opção feita anteriormente. O sistema funciona das 6h às 23h59 de cada dia, quando é fechado para calcular as notas de corte.

A lista dos estudantes selecionados em primeira chamada será divulgada no dia 22 de junho. Os aprovados terão entre os dias 27 e 28 para efetuar a matrícula nas instituições de ensino. Caso o participante tenha conseguido uma vaga no curso marcado como segunda opção, poderá permanecer no sistema e esperar pela segunda chamada. Os selecionados para a primeira opção perdem a vaga se não efetuarem a matrícula.

No dia 2 de julho, o MEC divulga a segunda chamada, com prazo de matrícula de 5 a 6 de julho. Após esse período o sistema gera uma lista de espera que fica disponível para as instituições selecionarem candidatos para as vagas remanescentes. Podem entrar na lista os estudantes não selecionados em nenhuma das opções escolhidas nas duas primeiras chamadas. Os interessados deverão fazer essa opção no próprio sistema, entre os dias 2 e 7 de julho.

Fonte: Terra
publicidade