SP: professor não precisará fazer prova para progredir na carreira

29 ago 2013
09h04
atualizado às 09h04
  • separator
  • comentários

Professores da rede estadual de São Paulo não precisarão mais fazer a prova de mérito para obter promoção na carreira. Um acordo entre a Secretaria de Educação e sindicatos definiu que os docentes poderão optar por apresentar um memorial com a síntese da atuação pedagógica, atividades na escola e práticas fora da rede. Ainda não foi definido quando a mudança entrará em vigor. Criada em 2009, a prova é aplicada todos os anos. Sindicatos não concordam com o exame e já chegaram a pedir sua extinção. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O professor vai poder decidir entre fazer a prova ou entregar o memorial. Segundo o jornal, o governo negociava manter a prova e o memorial, sem abrir a possibilidade de escolha. Outra opção do governo era que o sistema fosse alternado, o que também não foi para frente. Segundo a Apeoesp, sindicato da categoria, a manutenção de dois critérios "pioraria" o que já existe.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade