"Pulseiras do sexo" devem ser proibidas em cidade de SC

"Pulseiras do sexo" devem ser proibidas em cidade de SC

2 mar 2010
15h50
atualizado às 16h02

A Câmara de Vereadores de Navegantes (SC) aprovou por unanimidade nesta terça-feira, dia 2, um projeto de lei que tem como objetivo proibir a utilização de "pulseiras do sexo" nas escolas da rede municipal da cidade.

Segundo o vereador Marcos Paulo da Silva, autor do projeto, a utilização desses acessórios virou febre na região e anda causando muitos problemas. "Foi dada uma conotação sexual ao uso desses objetos. Isso começou na Inglaterra e chegou aqui. O menino que conseguir arrebentar a pulseira da menina recebe uma prenda de cunho sexual. A pulseira amarela representa o abraço, a laranja a "dentadinha" do amor, a azul o sexo oral, e assim por diante", afirmou.

De acordo com Marcos, os professores não aguentam mais a situação. Um caso extremo em Itajaí, município vizinho, levou uma menina a beijar a outra colega em ambiente escolar. "Essa proibição será prudente. Já falei com o prefeito e ele disse que vai sancionar o projeto ainda hoje", disse.

Além disso, o corpo docente das escolas foi acionado para realizar reunião com os pais. A orientação dos estudantes na própria casa também é muito importante.

Fonte: Redação Terra
publicidade