Educação

publicidade
28 de junho de 2013 • 16h07

Primeiro curso superior virtual da América Latina já soma 10 mil inscritos

 

Em pouco mais de 15 dias após seu lançamento, o primeiro Mooc (curso virtual, gratuito e de nível superior) da América Latina já totaliza 10 mil participantes inscritos. Os cursos foram lançados no dia 12 de junho por uma parceria da Universidade de São Paulo (USP) com o portal "Veduca".

O acordo determina que as aulas sejam ministradas por professores da USP e veiculadas pela plataforma virtual do portal. Os participantes podem cursar duas disciplinas: física mecânica básica e probabilidade e estatística. O primeiro terá 25 aulas e o segundo, 19.

Até a primeira quinzena do mês, quando o Mooc foi anunciado, o Brasil ainda não tinha uma instituição de nível superior ofertando aulas virtuais e gratuitas de forma massiva, diferentemente do movimento que ocorre no mundo todo, onde universidades oferecem cursos para milhões de pessoas espalhadas internacionalmente.

Exemplos disso são a plataforma Coursera - lançada pelas universidades de Stanford, Michigan, Pennsylvania e Princeton - e a edX - iniciativa de Harvard e MIT.

Diferentemente de usar a internet como repositório de videoaulas e outros materiais de apoio, nos Moocs os alunos cursam uma disciplina do início ao fim, têm exercícios para entregar, grupos para interagir e também a possibilidade de conversar via chat com o professor.

Os interessados em acessar os cursos que estão no ar podem se inscrever a qualquer momento, pois não há período fixo para o início. No término das atividades, os alunos devem fazer uma prova presencial na USP, e os aprovados receberão um certificado de conclusão.

EFE EFE - Agencia EFE - Todos os direitos reservados. Está proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agencia EFE S/A.