inclusão de arquivo javascript

 
 

África e Irlanda são alternativas para intercâmbio

24 de fevereiro de 2008 12h02

Para a maioria, um curso de inglês no exterior significa uma temporada morando no Canadá, EUA ou Inglaterra. Mas para Tereza Fulfaro, diretora educacional da Central de Intercâmbio, empresa especializada do setor, esse leque é muito mais amplo, e inclui destinos que parecem improváveis como África do Sul e Irlanda.

» EUA flexibilizam visto para intercâmbio
» SP: passaporte mais barato causa filas
» vc repórter: mande fotos e notícias

América do Norte e Reino Unido seguem como as principais opções para os estudantes e profissionais interessados em realizar um curso de inglês fora do País. Mas, correndo por fora, destinos como África do Sul, Irlanda e Austrália tem ganhado cada vez mais adeptos.

No caso da África do Sul, o sucesso é graças a um trabalho conjunto realizado entre as escolas africanas, a principal companhia aérea do país e agências brasileiras de intercâmbio. Com essa trinca, o país tem cada vez mais promovidos feiras no Brasil oferecendo cursos a preços mais promocionais.

O fato da África do Sul sediar a próxima Copa do Mundo em 2010, para Tereza, ainda não foi um fator determinante para o crescimento do número de interessados em estudar no país, mas pode se tornar um trunfo para os próximos anos.

Já para a Irlanda, o sucesso se deve muito mais novas regras das autoridades britânicas do que a uma estratégia promocional como é o caso das instituições africanas. A diretora afirma que o enrijecimento por parte das autoridades consulares do Reino Unido na emissão de vistos estudantis transformou o país vizinho numa opção atrativa para quem não quer se submeter a mais taxas.

Quarto lugar na escolha dos interessados em estudar inglês no exterior, a Áustrália e a Nova Zelândia se mantêm com uma participação de cerca de 12% do mercado, informa Tereza. Mas para ela, esse número só não cresce por que a distância, e conseqüentemente o preço das passagens aéreas, tornam o investimento final do curso muito elevado.

Ainda que esses três países tenham surgido como alternativas, os destinos prediletos são ainda Canadá, EUA e Inglaterra. As cidades canadenses que mais recebem alunos brasileiros são Toronto, Vancouver e Calgary.

Já nos EUA, os principais destinos são escolas de San Diego, na costa oeste, e Nova York, Chicago, Boston e Filadélfia no leste do país. Na Inglaterra, Londres continua imbatível, mas Cambrigde, impulsionada pela renomada universidade que leva o nome da cidade.

Agências
Central de Intercâmbio
Tel: (11) 3677-3600
www.ci.com.br/

IE Intercâmbio
Tel: (27) 3038-3900
www.ie-intercambio.com.br/

Study N Travel
Tel: (11) 2128-5050
www.intercambio.com.br/

Student Travel Bureau
Tel: (11) 3038-1555
www.stb.com.br/

World Study
Tel: (51) 3342-2550
www.worldstudy.com.br/

Redação Terra