Saiba mais sobre as mudanças no vestibular

08 de abril de 2009 • 09h26 • atualizado às 12h02

No início desta semana, o ministro da Educação, Fernando Haddad, apresentou a proposta de unificar o vestibular das universidades federais do País à Associação Nacional dos Dirigentes de Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes). O modelo permitirá que o estudante faça apenas uma prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e, a partir da nota conseguida, defina até cinco cursos que gostaria de freqüentar em ordem de prioridade.

A medida foi recebida com entusiasmo pelos reitores e o Ministério da Educação (MEC) prometeu enviar às universidades, nesta quarta-feira, um termo referencial com detalhes técnicos do exame. No entanto, uma nova reunião prevista para o final deste mês deve dar a palavra final sobre o rumo do novo processo seletivo.

Em meio às decisões, os estudantes que pretendem realizar o vestibular em 2010 levantam uma série de dúvidas relativas ao novo concurso. O Terra conversou com o MEC para resolver algumas destas questões.

Quantas universidades federais devem adotar o vestibular unificado?
Tanto o MEC quanto a Andifes preferem ser cautelosos com o número de instituições que deverão aderir ao novo Enem.

As instituições serão obrigadas a adotar o modelo?
Não. A primeira bandeira que o MEC levanta é a da autonomia universitária em que deixa as instituições livres para escolher a forma de ingresso para os alunos. O MEC oferecerá o exame unificado e as instituições optarão se querem ou não participar. Elas ainda poderão decidir se utilizarão o exame de forma única ou complementar.

As instituições privadas e estaduais poderão aderir ao sistema?
Essa decisão ficará por conta de cada instituição, pois o MEC não tem poder de regulação sobre elas.

Existe possibilidade de o novo Enem ser realizado em 2009?
Sim. A previsão do MEC é que ele ocorra em outubro, antes do final do ano letivo. O resultado deverá sair em janeiro.

Como o aluno pode se preparar para este concurso? Como será o formato do exame?
Ele será um Enem mais enriquecido. Atualmente, o Enem é composto por 63 questões e o novo terá 200. Segundo o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Reynaldo Fernandes, a prova teria quatro grupos de questões, divididas em Linguagens e Códigos (português e inglês), Matemática e Estatística, Ciências da Natureza (biologia, química, física), Ciências Humanas (história, geografia, ciências sociais, economia) e uma Redação, aplicadas em dois dias.

O aluno aprovado poderá escolher qualquer universidade federal para cursar?
Sim. Em princípio, ele teria cinco opções de curso, podendo ser todos em uma mesma universidade ou em até cinco instituições diferentes.

Como um aluno deverá proceder para realizar a matrícula numa universidade de outro Estado?
Ele realizará a prova na cidade em que faz o Ensino Médio e, com a nota obtida, entrará em contato por meio de um sistema online com a instituição que tem interesse. No processo, as universidades deverão abrir um período de inscrições para os estudantes entregarem as notas.

Como deve proceder o aluno que quiser mudar de curso no mesmo ano ou nos anos seguintes?
Este ponto ainda não foi definido, mas a decisão deverá ficar a cargo de cada universidade.

A pontuação terá prazo de validade?
O MEC tem interesse que o exame realizado tenha validade por mais de um ano, mas ainda não estipulou esse período. Também deverá ter mais de uma prova por ano.

Como fica a pontuação de quem fizer mais de um novo Enem?
Valerá a nota mais alta.

O aluno poderá realizar mais de um curso simultaneamente?
Essa definição ficará a cargo de cada instituição.

Quais as vantagens do novo Enem?
A preocupação do MEC é com dois pontos principais: conteúdo do ensino médio, que é baseado em uma "decoreba" de fórmulas prontas, e com a mobilidade dos estudantes de baixa renda, que ficam prejudicados pelo sistema atual de vestibulares, no qual precisam viajar até a cidade da instituição para prestar o concurso.

Redação Terra
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »