Estudantes chilenos convocam marcha nacional para 25 de abril

Estudantes chilenos convovam marcha nacional para 25 de abril

16 abr 2012
17h04
atualizado às 17h05

A Confederação de Estudantes do Chile (Confech) convocou uma marcha nacional para o próximo dia 25 de abril como forma de retomar as demandas de 2011. Esta será a primeira manifestação de 2012, sendo que, no ano passado, os protestos estudantis chilenos ganharam notoriedade em toda a imprensa internacional. As informações são da agência Ansa.

"A maioria dos chilenos apoiou, no ano passado, o fim do lucro na educação superior, mas isso continua, não teve solução. Tampouco para o endividamento das famílias e estudantes e para os problemas de acesso (ao ensino) e qualidade", disse a presidente da Federação de Estudantes da Universidade Católica, Noam Titelman, lembrando as demandas estudantis.

Por sua vez, o presidente da Federação de Estudantes da Universidade do Chile, Gabriel Boric, disse que o "Executivo não cumpriu com as demandas que se instalaram no ano passado e, por isso, vamos continuar mobilizados até transformar a educação do nosso país".

Segundo Titelman, a passeata deve começar na Praça Itália e avançar para a Alameda, na capital do país, Santiago. Já foi solicitada uma autorização às autoridades locais para a realização da marcha.

Camila foi considerada personalidade do ano de 2011 pelo jornal inglês The Guardian
Camila foi considerada personalidade do ano de 2011 pelo jornal inglês The Guardian
Foto: Luciano Alarcón / Especial para Terra
Fonte: Terra
publicidade