Estudantes: 1º dia do Enem foi mais fácil que provas da UFPR

5 dez 2009
18h30
atualizado às 19h27
Roger Pereira
Direto de Curitiba

Bem mais fácil que a prova da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Essa foi a opinião unânime dos primeiros estudantes a concluírem a prova do Enem, nesta tarde, em Curitiba. Com a mudança da data, o Enem está sendo realizado na semana seguinte à primeira fase da UFPR.

Paranaenses consideraram prova do Enem mais fácil que a do vestibular da UFPR
Paranaenses consideraram prova do Enem mais fácil que a do vestibular da UFPR
Foto: Roger Pereira / Especial para Terra

"Fui bem, tava tranqüilo, não vou dizer que fácil, mas bem mais que a prova da Federal", comentou Franciele Domingues Maranha, 17. "Apesar do grande número de questões deu tempo tranqüilo para fazer a prova", acrescentou a estudante, que pretende usar a nota do Enem para ingressar no curso de Educação Física na UFPR (que ainda não decidiu se aceitará o exame como 10% de sua nota).

"Também vou tentar PUC e Positivo, e administração na FAE", disse, citando três universidades particulares de Curitiba. Para ela a prova deste domingo pode ser um pouco mais difícil. "Português e redação, não tenho muito problema, mas vamos ver o que acontece com matemática".

A mesma impressão de Franciele teve André Gonçalves Leão, 18. "Pra quem encarou aquela prova de física da semana passada, hoje, apesar das 90 questões, foi sossegado", disse. Ele disputa uma vaga no curso de Engenharia Elétrica na UFPR e na Universidade Tecnológica Federal do Paraná. "Resolvi toda aquela prova que vazou para ter uma noção de como eles cobravam o conhecimento no Enem, e achei do mesmo nível".

Jonas Martins, 17, também usou a prova anulada do Enem para estudar para o exame deste final de semana. "Achei bem tranquila, como esperava que fosse. A prova do Enem é bem mais simples que qualquer vestibular que já fiz", contou o estudante que tenta vaga em Administração na UFPR e nas Universidades Estaduais de Londrina e Maringá, não tendo passado nos vestibulares de inverno que fez.

Câmeras
O maior local de provas no Paraná foi o campus da Pontifícia Universidade Católica do Paraná, no bairro Prado Velho, em Curitiba. Cerca de 11 mil estudantes fizeram a prova no campus da PUC, local, que, na semana passada, durante as provas do vestibular da UFPR, serviu de base da polícia militar durante um tiroteio na Vila das Torres, que fica a duas quadras do campus.

Apesar de o incidente, que resultou em sete feridos, não ter interferido na realização das provas, a preocupação com que novas ocorrências pudessem atrapalhar a realização do Enem, fez com que a prefeitura de Curitiba antecipasse para hoje, a inauguração de um sistema com oito câmeras nas redondezas, para monitorar a segurança do local.

Segundo A Urbanização da Curitiba S/A, autarquia da prefeitura responsável pelo monitoramento, até às 18h deste sábado, nada havia sido flagrado pelas novas câmeras.

Fonte: Especial para Terra

compartilhe

publicidade
publicidade