Educação

publicidade
01 de julho de 2013 • 15h21 • atualizado às 15h22

Diretora é suspeita de agredir três crianças em escola de GO

 

Mães de três alunos da Escola Municipal Senador Emival Ramos Caiado, de Águas Lindas de Goiás (GO), denunciaram a diretora da unidade à Polícia Civil por agressão. As crianças teriam sido agredidas durante uma aula, no final de junho. Uma audiência na Justiça foi marcada para agosto, mas apesar de negar a violência, a educadora pediu afastamento do cargo. As informações são da TV Anhanguera.

Segundo a mãe de um estudante de 8 anos, que se identificou como Cláudia, o filho chegou em casa com sinais de agressão. Ela levou o menino ao hospital e exames apontaram que ele teve lesões no braço esquerdo e no rosto. Ela deu um tapa, beliscou. Isso tudo porque ele foi pedir uma água. Não deixou beber porque antes tinha ido pedir uma borracha emprestada para um aluno”, contou. Outras duas mães relataram agressões semelhantes. O delegado de Polícia da cidade disse a educadora será indiciada por lesão corporal e pode pegar pena em regime fechado de seis meses a um ano.

Terra Terra