Aluno veste saia em protesto contra uniforme na Inglaterra

Aluno de 12 anos quer ter direito a vestir calças curtas na escola.

11 mai 2011
17h44
atualizado às 18h06

Um garoto britânico de 12 anos decidiu ir de saia à escola para protestar contra uma regra da direção que exige que os meninos vistam apenas calça cumprida. Para Chris Whitehead, aluno do Impington Village College, perto da cidade de Cambridge (sudeste da Inglaterra), calor e calças compridas não combinam.

Devido às regras de uniforme impostas a todos os garotos da instituição, eles não têm opção a não ser vestir calças para ir ao colégio.

O menino disse que teve a ideia de fazer o protesto ao ler as regras, que não deixam claro se saias só podem ser usadas por meninas. Depois, convenceu alguns colegas a apoiá-lo, fez panfletos e partiu para sua manifestação pacífica.

Whitehead disse não ter se incomodado com as provocações que ouviu. Passado o ceticismo inicial, alguns alunos da escola até elogiaram o protesto. "Achei a ideia uma forma muito boa para expressar sua opinião", disse uma estudante.

A própria escola também elogiou a iniciativa, dizendo que ela representa os valores de independência e pensamento da instituição, e prometeu estudar uma revisão da regra em breve.

Chris Whitehead decidiu usar saia para protestar contra as regras de uniforme da escola, que permitem aos meninos usar apenas calças cumpridas
Chris Whitehead decidiu usar saia para protestar contra as regras de uniforme da escola, que permitem aos meninos usar apenas calças cumpridas
Foto: BBC Brasil
BBC News Brasil BBC News Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da BBC News Brasil.

compartilhe

publicidade
publicidade