0

Velejador português diz ter encontrado pirâmide submersa nos Açores

Pirâmide com 60 metros de altura teria base maior que um estádio de futebol

25 set 2013
14h30
atualizado às 15h29
  • separator
  • comentários

Um velejador português afirma ter descoberto uma pirâmide com 60 metros de altura e 8 mil metros quadrados de base submersa no arquipélago dos Açores, no Oceano Atlântico. Diocleciano Silva, que é formado em medicina veterinária, acredita que a estrutura pode representar vestígios da lendária Atlântida. O Departamento de Oceanografia e Pescas da Universidade dos Açores, no entanto, relativiza a descoberta. As informações são do portal RTP Notícias e do Diário de Notícias.

<p>Português acredita que descobriu uma pirâmide submersa nos Açores</p>
Português acredita que descobriu uma pirâmide submersa nos Açores
Foto: RTP Notícias / Reprodução

"É impressionante devido às formas. É uma pirâmide perfeita. E ainda por cima, a orientação, a implantação da pirâmide: os vértices estão orientados ( a ) norte e sul, precisamente norte e sul, como as pirâmides de Gizé ( Quéops, Quéfren e Miquerinos, no Egito )", afirmou o velejador.

A descoberta teria sido feita há cinco meses, quando o velejador tentava encontrar zonas de pesca na região. Por meio de leitura batimétrica de navegação, o português disse ter localizado a pirâmide, cuja ponta estaria a cerca de 40 metros de profundidade e a base ocuparia uma área maior que um estádio de futebol.

Pela precisão das linhas, o autor da descoberta não acredita que a pirâmide seja de origem natural e imagina que ela representa indícios de Atlântida. As coordenadas da suposta pirâmide foram entregues às autoridades locais na esperança de que o mistério seja desvendado.

Arqueólogos descobrem pirâmide e 30 sepulturas pré-hispânicas no México

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade