0

Seca no Mar de Aral é um 'desastre chocante', diz Ban Ki-moon

Ban Ki-moon seca consi-no Mar do Aral UM 'desastre Chocante'

5 abr 2010
10h16
atualizado às 11h40
  • separator

O ressecamento do Mar de Aral é um dos desastres mais chocantes do planeta, disse neste domingo o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon. O lago, que já foi o quarto maior do mundo, secou 90% desde que os rios que o alimentavam foram desviados em um projeto para aumentar a produção de algodão na árida região. As informações são do Huffingtonpost .

Ban Ki-moon visita o cemitério de navios em Muynak, um antigo porto da cidade, no Uzbequistão
Ban Ki-moon visita o cemitério de navios em Muynak, um antigo porto da cidade, no Uzbequistão
Foto: Reuters

O secretário-geral da ONU sobrevoou a região de helicóptero como parte de uma visita a cinco países da Ásia Central. A evaporação das águas deixou camadas de areia altamente salgadas e causou problemas de saúde na população local.

A catástrofe é uma das principais preocupações de Ban Ki-moon durante sua viagem na região. "No cais, eu não estava enxergando nada, eu podia ver apenas um cemitério de navios", disse a repórteres depois de chegar em Nukus, cidade mais próxima e capital da região autônoma de Karakalpak. "É claramente um dos piores desastres ambientais do mundo. Eu fiquei muito chocado", finalizou Ban Ki-moon.

Veja também:

As mortes sem holofotes de quem luta pelo meio ambiente no Brasil e no mundo
Fonte: Redação Terra
publicidade