0

Nasa desvenda mistério da estrela que 'desaparecia' no céu

4 fev 2010
16h11

Astrônomos da Agência Espacial Americana (Nasa) encontraram a solução para um dos enigmas seculares da astronomia: a estela que desaparece a cada 27 anos. Usando o Telescópio Espacial Spitzer, eles descobriram que a nuvem de poeira que gira em torno do objeto que acompanha a estrela é a responsável por este "eclipse". As informações são da Nasa.

Nesta concepção artística, a estrela Epsilon Aurigae emerge entre o disco de poeira do objeto que a acompanha
Nesta concepção artística, a estrela Epsilon Aurigae emerge entre o disco de poeira do objeto que a acompanha
Foto: Nasa / Reprodução

A brilhante estrela Epsilon Aurigae é acompanhada por um pequeno objeto cercado por um denso disco de poeira que, a cada 27 anos, a encobre por um período de dois anos.

A descoberta aconteceu graças à visão infravermelha do Spitzer que revelou o verdadeiro tamanho do disco de poeira e da estrela que antes se acreditava ser supergigante. Em vez disso, a Epsilon Aurigae é uma estrela brilhante com muito menos massa do que se imaginava.

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade