0

Bilionário americano doa US$ 35 mi para museu de dinossauros

4 mai 2012
10h49
  • separator
  • comentários

O industrial americano David Koch, famoso por seu apoio a causas conservadoras, anunciou na quinta-feira uma doação de 35 milhões de dólares para a reforma da ala dos dinossauros do Museu Nacional de História Natural dos EUA.

As fêmeas das pulgas ancestrais mediam mais de 20 mm, enquanto os machos tinham quase 15 mm
As fêmeas das pulgas ancestrais mediam mais de 20 mm, enquanto os machos tinham quase 15 mm
Foto: AFP

Essa é a maior doação individual já recebida pelo museu e centro de pesquisas de Washington em seus 112 anos de história, segundo o Instituto Smithsonian.

"Tenho um caso de amor com os dinossauros desde menino", disse Koch, no dia em que completou 72 anos, falando por telefone à Reuters de Nova York, onde vive. "Percebi que a exposição no Smithsonian estava muito desatualizada. Parte remonta a cem anos atrás, e precisávamos desesperadamente de uma reforma", disse Koch, que participa do conselho de direção do museu.

A atual exposição sobre dinossauros e paleontologia está praticamente igual há 30 anos, e a doação de Koch vai custear a maior parte da reforma planejada, num valor de 45 milhões de dólares, segundo Randall Kremer, porta-voz do museu.

"Isso não aconteceria se não fosse pelo presente do sr. Koch", disse Kremer. "Esse é simplesmente um grande dia para o museu e o país."

A nova ala irá exibir parte do acervo de 46 milhões de peças do museu, além de novas explicações sobre a evolução dos dinossauros e outras criaturas. O Conselho de Regentes do Smithsonian aceitou dar o nome de Koch à ala reformada, de 2.300 metros quadrados.

O museu já abriga desde 2010 a Ala David H. Koch das Origens Humanas. O industrial já fez doações também ao Lincoln Center, ao Museu Metropolitan e ao Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Em 2006, ele deu 20 milhões de dólares para ajudar a ala de dinossauros do Museu Americano de História Natural, em Nova York.

David e seu irmão Charles estão também entre os principais contribuintes de candidatos e causas ligados ao Partido Republicano. Na quinta-feira, ele disse que deu "de longe" mais dinheiro a grupos filantrópicos, beneficentes e outras ONGs do que a iniciativas políticas. "Tenho um forte código moral, e tenho a oportunidade de doar", afirmou.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade