EUA planejam enviar novas missões à Lua até 2018

01 de agosto de 2005 • 18h32 • atualizado às 18h32

Os Estados Unidos planejam enviar quatro astronautas à Lua até 2018, como parte dos preparativos para uma eventual missão a Marte, apontam documentos da Nasa publicados pelo jornal Orlando Sentinel.

O plano prevê a construção de uma base na Lua, com gerador elétrico, e a busca de combustível e água no satélite da Terra, com a ajuda de carros especiais. Os astronautas viajariam em foguetes e retornariam à Terra em cápsulas semelhantes às do programa Apollo, que levou os primeiros homens à Lua, em 1969.

As missões na Lua serviriam para preparar viagens de 500 dias a Marte, diz o jornal, citando um estudo que deverá ser divulgado em setembro. No ano passado, o presidente americano, George W. Bush, anunciou que a Nasa voltaria a enviar astronautas à Lua antes de 2020, e depois a Marte.

O estudo calcula um gasto de US$ 217 bilhões com os programas nos próximos 20 anos. A Nasa espera aposentar sua atual frota de ônibus espaciais em 2009, e ter uma nave de última geração pronta em 2011. Segundo funcionários da agência, a nova nave seria muito mais segura do que os ônibus espaciais.

AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »