ONU desaprova clonagem humana

18 de fevereiro de 2005 • 21h21 • atualizado às 21h21

Apesar das profundas divisões, a Assembléia Geral da ONU aprovou nesta sexta-feira uma declaração não vinculativa que pede aos governos dos países membros que adotem medidas para proibir a clonagem humana.

A declaração foi adotada com 71 votos a favor, 35 contra e 43 abstenções, e pede aos países que ajustem suas legislações para proibir todo tipo de clonagem humana, inclusive para fins terapêuticos.

O texto do documento foi apresentado por Honduras, embora tenha sido redigido pela presidência do Comitê VI da Assembléia, que se encarrega de assuntos legais e é comandada pelo embaixador marroquino, Mohammed Benouna.

EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »