Descoberto fóssil de mamute em plena Los Angeles

18 de fevereiro de 2009 • 17h11 • atualizado às 18h28
A pélvis do mamute foi encontrada junto do esqueleto quase completo em um terreno perto de La Brea Foto: AFP
A pélvis do mamute foi encontrada junto do esqueleto quase completo em um terreno perto de La Brea
18 de fevereiro de 2009
Foto: AFP

O esqueleto quase completo de um mamute foi descoberto em plena cidade de Los Angeles, anunciaram paleontólogos nesta quarta-feira. Batizado de "Zed", o mamute, com presas de 3 m de comprimento, faz parte de uma série de dezenas de milhares de fósseis encontrados na escavação de um terreno perto de La Brea.

No mesmo lugar, cientistas encontraram troncos de árvore, tartarugas, serpentes, conchas, peixes e até folhas de carvalho preservadas em areia mesclada com hidrocarbonetos.

Estes fósseis "nos dão a oportunidade de obter uma fotografia detalhada do que foi a vida entre os anos 10 mil e 40 mil antes de nossa era, assinalou John Harris, curador do museu que abriga os fósseis descobertos em La Brea. Segundo o cientista, este local representa "uma biblioteca de como foi a vida no pleistoceno".

Único no mundo em ambiente urbano, La Brea é resultado de um fenômeno natural de afloramento de hidrocarbonetos, onde caíram numerosos animais, muito antes de que a zona estivesse no meio da segunda cidade dos Estados Unidos.

AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »