Nova espécie de peixe bagre é descoberta na Venezuela

23 de janeiro de 2009 • 13h56 • atualizado às 13h56

Uma nova espécie de peixe bagre descoberta na Venezuela possui um órgão pélvico externo e um tipo de "armadura óssea" que lhe permite escalar rochas e proteger a cabeça e a cauda de predadores, informou nesta quinta-feira o site científico Live Science. De acordo com os cientistas do Museu de História Natural de Nova York, o animal, batizado de Lithogenes wahari, tem características de duas diferentes famílias de bagres - a Loricariidae e a Astroblepidae.

Segundo os especialistas, o Lithogenes wahari é coberto por placas ósseas que protegem os seus membros em situações de risco. O mecanismo de defesa é comum em exemplares de Loricariidae, que são totalmente cobertos por uma armadura.

Além disso, um órgão externo ligado à boca pode se mover para frente e para trás, permitindo ao peixe nadar sobre superfícies verticais. Essa característica é encontrada na família de bagres escaladores dos Andes, os Astroblepidae.

"O formato do Lithogenes wahari é como se um caminhão tivesse passado por cima", explicou o antropólogo Sanford Zent, do Instituto Venezuelano de Investigações Científicas.

Há 20 anos, quando houve o primeiro registro da espécie, os pesquisadores tiveram dificuldades para determinar o local onde este peixe vivia. No entanto, não tardou para alguns exemplares serem descobertos nas águas acima do rio Cuao, um afluente do rio Orinoco.

Depois de capturar cerca de 84 exemplares, os cientistas conseguiram confirmar o parentesco do estranho peixe com as duas grandes famílias de bagres.

Terra Espanha
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »