Nuvem de gafanhotos encobre região da Austrália

18 de novembro de 2008 • 11h43 • atualizado às 16h16
O maior foco dos insetos chega a medir seis quilômetros de comprimento e tem 170 metros de profundidade
O maior foco dos insetos chega a medir seis quilômetros de comprimento e tem 170 metros de profundidade
18 de novembro de 2008
BBC Brasil

Da BBC Brasil

Austrália


Nuvens de gafanhotos cobrem várias regiões do Estado de Nova Gales do Sul, na Austrália. De acordo com o governo, o maior foco dos insetos chega a medir seis quilômetros de comprimento e tem 170 metros de profundidade.

» Veja o vídeo da nuvem de gafanhotos
» Quênia enfrenta praga de gafanhotos
» "Esquadrão" de entorninhos enfrenta praga de gafanhotos na China

Foram registradas nuvens de insetos também nas cidades de Wagga, Gundagai e Narrandera. Gafanhotos se alimentam principalmente de plantas verdes, e é nessa época do ano que ocorrem as colheitas na agricultura.

Em algumas regiões, a colheita deveria ser a primeira em vários anos, por causa de uma seca prolongada que se abateu sobre a Austrália.

Autoridades australianas afirmam que nove aviões australianos estão de prontidão para atacar as nuvens de gafanhoto, caso elas ganhem mais volume e ameacem colheitas.

BBC Brasil - BBC BRASIL.com - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da BBC BRASIL.com.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »