Mil vietnamitas vão ao enterro de baleia morta

15 de agosto de 2007 • 06h13 • atualizado às 07h52

Cerca de mil pessoas assistiram hoje a uma cerimônia antes do enterro de uma baleia de 19 t que morreu após ficar encalhada em águas rasas do litoral da região central do Vietnã, informou uma fonte oficial.

Os moradores de um povoado de pescadores queimaram incenso e dinheiro falso e apresentaram oferendas de frutas em honra ao espírito do animal, na comuna de Vinh Loc, na província de Thua Thien Hue, 600 km ao sul da capital.

O animal de 15 m de comprimento ficou preso ontem numa rede de pesca e morreu asfixiado, segundo o chefe político da comuna, Nguyen Van Minh. Os pescadores vietnamitas consideram que a aparição de baleias, vivas ou mortas, é um presságio de boas pescas. Por isso, realizam funerais dos que morrem nas áreas litorâneas.

Centenas de pessoas tentaram tirar o animal da água, mas ele era demais pesado. Teve que ser arrastado ao porto de Chan May, onde pôde ser içado com um guindaste e posto num caminhão, para ser levado ao lugar onde hoje foi enterrado.

EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »