Inteligência e sucesso não têm relação, diz estudo

24 de abril de 2007 • 22h42 • atualizado em 25 de abril de 2007 às 15h12

A inteligência não tem relação direta com a riqueza, revela um estudo realizado nos Estados Unidos e publicado nesta terça-feira. "As pessoas não enriquecem porque são inteligentes", disse Jay Zagorsky, pesquisadora da universidade de Ohio, cujo estudo aparece no Journal Intelligence.

Uma pesquisa do bureau americano de estatísticas sobre o emprego, que analisou 7.403 cidadãos dos EUA desde 1979, revela que não há vínculo entre a inteligência e a capacidade de gerar dinheiro. "O coeficiente de inteligência nada tem a ver com a riqueza. Uma pessoa muito inteligente não corre menos risco de enfrentar dificuldades econômicas", explicou Zagorsky.

O estudo admite que os mais inteligentes tendem a receber maiores salários, mas destaca que há uma diferença entre salários altos e riqueza. "A diferença de renda média entre uma pessoa com coeficiente normal (100) e alguém com coeficiente de 130 é atualmente de entre seis mil e US$ 18.500 por ano, mas quando se trata de avaliar a riqueza total e a possibilidade de se enfrentar dificuldades financeiras, as pessoas com coeficiente baixo ou médio se saem tão bem quanto os superinteligentes".

AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »