Aquecimento será mais forte na região Amazônica

02 de fevereiro de 2007 • 11h16 • atualizado às 13h27
Região da Floresta Amazônica será um dos locais mais atingidos pela mudança climática Foto: Intravel/Divulgação
Região da Floresta Amazônica será um dos locais mais atingidos pela mudança climática
08 de janeiro de 2007
Foto: Intravel/Divulgação

O relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima (IPCC), anunciado na manhã desta sexta-feira pela ONU, na França, aponta que o aquecimento mais intenso no Brasil ocorrerá no final deste século, no Centro-Oeste e no Norte, regiões que abrigam a Floresta Amazônica.

» Veja fotos
» Infográfico: confira as soluções
» Especial sobre aquecimento
» Veja os possíveis impactos
» Temperatura aumentará até 4ºC
» A posição do Greenpeace
» Opine sobre o assunto

Segundo o instituto de meteorologia Metsul, o documento do IPCC traz diferentes cenários de aquecimento no País para as próximas décadas, mas todos apontam para elevação da temperatura em todas as regiões.

O relatório da ONU também prevê uma alteração no regime das chuvas - invernos cada vez mais secos e verões cada vez mais chuvosos. Esse quadro será visível na região Sul.

Contudo, o IPCC aponta que entre os anos de 2.020 e 2.039 a elevação da temperatura no Brasil será menos acentuada em relação aos dias de hoje, com elevação quase nula na temperatura da região Sul.

O meteorologista Eugenio Hackbart, do instituto de pesquisa Metsul, afirma que não há uma explicação muito clara dos motivos que levarão esta reduação ao longo de 19 anos. No entanto, ele acredita que a grande área de oceanos que banha o Brasil e que ajuda a regular a temperatura no País, seja a responsável por esse quadro. Ele também destaca que o tamanho das placas continentais do hemisfério Sul é menor, evitando que os continentes funcionem como uma "chapa quente", quando expostas a temperaturas mais elevadas.

Redação Terra
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »