3 eventos ao vivo

Operação Brasil-Alemanha: foguete será lançado amanhã no RN

24 nov 2011
15h41

Angela Joenck Pinto

Brasileiros e alemães vão lançar nesta sexta o foguete Orion, como parte da Operação Brasil-Alemanha, evento que ocorre no Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI), no Rio Grande do Norte, até 9 de dezembro. No dia 2, está previsto o lançamento do foguete VS-30.

A Operação Brasil-Alemanha marca os 40 anos do acordo tecnológico internacional entre o Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) e o Centro Espacial da Alemanha (DLR). "O Brasil tem um programa espacial de longa data e, pode-se dizer, desponta como um país com tradição na pesquisa espacial entre as nações das Américas", diz a cientista Thais Russomano, coordenadora do Centro de Microgravidade da PUCRS, que reconhece o mérito da Agencia Espacial Brasileira na criação da nova face do programa espacial nacional.

"A criação da AEB tinha um caráter civil e planos ambiciosos, como a seleção de astronautas, a participação na construção e utilização da Estação Espacial Internacional e o estímulo de profissionais de instituições de ensino e pesquisas a integrarem o programa espacial brasileiro. Foi graças a isso que, em 1999, estabeleci na PUCRS o Centro de Microgravidade, pioneiro - e ainda único no Brasil - no ensino e na pesquisa da fisiologia espacial e da engenharia biomédica espacial", afirma Russomano.

Mesmo assim, a especialista critica a falta de incentivo político e financeiro para o real avanço nas pesquisas. "Penso que poderíamos fazer muito mais, caso houvesse um investimento financeiro maior. Sem dinheiro ou com poucos recursos, não há como se ter grandes avanços tecnológicos, produzir ciência de qualidade e desenvolver produtos competitivos", diz a professora.

Fonte: Especial para Terra

compartilhe

publicidade
publicidade