3 eventos ao vivo

ESO divulga nova imagem para comemorar 15 anos do telescópio VLT

23 mai 2013
07h12
atualizado às 07h12
  • separator
  • 0
  • comentários

O Observatório Europeu do Sul (ESO) divulgou nesta quinta-feira uma nova imagem para marcar os 15 anos de operação do telescópio VLT (Very Large Telescope, ou telescópio muito grande, em tradução literal), que serão comemorados no sábado. O registro é de uma maternidade estelar chamada de IC 2944.

Para comemorar o aniversário do VLT, ESO divulgou imagem do berçário de estrelas IC 2944
Para comemorar o aniversário do VLT, ESO divulgou imagem do berçário de estrelas IC 2944
Foto: ESO / Divulgação

Em 25 de maio de 1998, o primeiro dos quatro telescópios principais que formam o VLT recebeu sua primeira luz. O VLT, afirma o ESO, é um dos principais instrumentos astronômicos. Para se ter ideia, em 2012 foram mais de 600 artigos científicos com júri de leitura baseados em dados obtidos com o VLT e o VLTI (o interferômetro do telescópio).

Segundo o observatório, o registro dessa maternidade é o melhor já obtido do solo. A nuvem de gás e poeira fica a 6,5 mil anos-luz na constelação do Centauro e é uma nebulosa de emissão - composta basicamente de hidrogênio que brilha devido à radiação das estrelas recém-nascidas. Esses objetos são de grande interesse de astrônomos que tentam entender os mecanismos por trás da formação de estrelas.

As manchas escuras na imagem são glóbulos de Bok. Esses objetos são nuvens de poeira opaca e fria que são opacos na luz visível. Estes, em especial, são glóbulos de Thackeray, que, ao contrário dos demais glóbulos de Bok, que colapsam e formam novas estrelas, sofrem intenso bombardeamento de radiação ultravioleta das jovens estrelas e acabam por ser dilapidados e fragmentados.

Telescópio do ESO localiza de forma precisa galáxias primordiais

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade