1 evento ao vivo

Brasil se une a vizinhos para incentivar avistamento de baleias

7 ago 2013
18h55
atualizado às 20h03
  • separator
  • 0
  • comentários

Dez países latino-americanos, entre eles o Brasil, entraram em acordo para incentivar em conjunto o turismo de avistamento de baleias, durante encontro em Montevidéu do Grupo de Buenos Aires, que reúne países conservacionistas da região, membros da Comissão Baleeira Internacional (CBI).

"O grupo quer trabalhar em um plano latino-americano de avistamento de baleias", disse Carlos Rodriguez Brianza, representante uruguaio na CBI, no encerramento da reunião do grupo e durante o lançamento da temporada de avistamento de baleias no Uruguai.

Barbara Galletti, representante chilena no grupo, explicou à AFP que foi acertado "fazer outro encontro para impulsionar mais o tema do turismo e buscar fazer ações coordenadas para a conservação dos cetáceos na América".

"Queremos ver quais são as melhores ideias que poderíamos lançar para um turismo responsável, como criar uma rota e buscar implementar estratégias de conservação em nível regional", acrescentou.

Segundo Galetti, "avançou-se bastante em consolidar-se como um grupo coordenado para as políticas da Comissão Baleeira Internacional", destacando a importância de o encontro ter sido realizado, apesar de em 2013 não haver reunião da CBI, entidade que se reúne a cada dois anos.

Os países latino-americanos reunidos no chamado Grupo de Buenos Aires, criado em 2005, têm proposto em repetidas oportunidades criar um santuário de baleias no Atlântico Sul, mas sua proposta ainda não teve sucesso junto à CBI.

Além do Brasil, compõem o grupo Argentina, Uruguai, Chile, Equador, Colômbia, Peru, Panamá, Costa Rica, México e República Dominicana.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade