0

Pássaro pré-histórico possuía 5 metros de envergadura

15 set 2010
15h21

Estudo divulgado por cientistas ao site da DiscoveryNews aponta que o pássaro Pelagornis chilensis, que viveu entre 5 e 10 milhões de anos atrás na região onde hoje é o Chile, possuía a maior envergadura de um pássaro já encontrada com, no mínimo, 5 metros.

Estudo do fóssil do Andalgalornis indica que animal usava bico como um machado
Estudo do fóssil do Andalgalornis indica que animal usava bico como um machado
Foto: Divulgação

O cálculo é baseado na análise de ossos das asas preservados. Estudos anteriores apontavam que a maior envergadura de um pássaro chegava a mais de 6 metros, porém eram baseados em fósseis fragmentados, não inteiros, como neste caso.

"A evolução dos pássaros largos, por assim dizer, tinha como objetivo evitar a competição com outros pássaros", disse Gerald Mayr, líder da equipe e paleontólogo do Instituto de Pesquisa e Museu de História Natural Senckenberg, na Alemanha, ao site da DiscoveryNews. "Pássaros com asas maiores voavam mais longe e caçavam suas presas mais facilmente no oceano", completou.

Uma das causas de sua extinção, apontam os especialistas, pode ser seu peso, já que com envergadura tão grande seu peso aumentava e sua velocidade e capacidade de voo eram prejudicadas.

Fonte: Redação Terra
publicidade