0

Mãe orangotango e filhote são salvos após apedrejamento

11 nov 2015
17h52
atualizado às 19h17
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Uma fêmea de orangotango-de-bornéu e seu filhote foram resgatados em estado de choque após serem atacados por moradores de um vilarejo na Indonésia. Os dois animais, que fugiam de um incêndio florestal, estavam desnutridos e abraçados quando foram salvos pela ONG britânica International Animal Rescue (IAR).

Foto: IAR

Os moradores do vilarejo ficaram assustados com a presença da primata e do filhote e os apedrejaram, para depois tentar amarrá-los. Integrantes da equipe de resgate disseram que a mãe tinha feridas na pele e estava muito magra. Segundo a IAR, ela também tinha machucados provocados por corda e foi encontrada com os pulsos atados.

Os dois orangotangos foram anestesiados para que pudessem ser liberados em segurança em uma área de proteção natural após a realização de exames. Eles continuarão a ser monitorados.

Incêndios

Muitos primatas foram forçados a deixar seus habitats naturais por causa dos diversos incêndios registrados na Indonésia neste ano. Boa parte deles foi causada por queimadas iniciadas para abrir espaço na mata, mas que saíram do controle devido ao clima seco.

Ao fugir do fogo, esses animais costumam parar nos vilarejos em busca de comida. O problema é que eles são vistos como pragas por muitos dos habitantes locais.

Florestas indonésias estão há meses cobertas pela fumaça liberada por incêndios, que também contamina o ar de países vizinhos.

A IAR diz ter realizado mais de 12 operações semelhantes no país nos últimos dois meses para salvar orangotangos.

 

Veja também:

Como usar uma máscara facial corretamente
BBC News Brasil BBC News Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da BBC News Brasil.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade