PUBLICIDADE

Lula gigante pode revelar a verdade sobre a lenda de Kraken

De acordo com o folclore nórdico, o monstro marinho habitava as profundas águas do Mar da Noruega e destruía navios de piratas

17 set 2014 14h01
| atualizado às 14h07
ver comentários
Publicidade
<p>O animal tem 350 kg e&nbsp;o tamanho de um micro-&ocirc;nibus</p>
O animal tem 350 kg e o tamanho de um micro-ônibus
Foto: Twitter

Uma lula gigante descoberta na Antártica pode ajudar a revelar a verdade sobre o monstro marinho "Kraken", segundo o Daily Mirror. O animal estava congelado quando foi encontrado abaixo da superfície do Mar de Ross, e por causa dos seus 350kg, teve de ser içado por uma empilhadeira.

O molusco será descongelado para que os cientistas possam realizar uma pesquisa que confirmará ou não o mito da terrível criatura que causava terror nas fábulas de pescadores. A Lula gigante tem o tamanho de um micro-ônibus e tentáculos que medem um metro cada passou oito meses sob as águas até ser capturada pelo capitão John Bennett - que, aliás, encontrou há sete anos outra lula gigante, hoje exposta no Museu Nacional da Nova Zelândia.

Além de revelar a verdade por trás da lenda do suposto monstro marinho, os pesquisadores esperam fazer descobertas sobre essa espécie, como qual posição ela ocupa na cadeia alimentar. "Esta é uma espécie intacta, o que significa que essa é uma oportunidade espetacular para nós a examinarmos".

Os cientistas avaliarão a condição da criatura, antes de decidirem se ela deve ser preservada para exibição pública. 

Reza a lenda que o Kraken, do tamanho de uma ilha e detentora de cem braços, habitava as águas profundas do Mar da Noruega, que separa a Islândia das terras Escandinavas. Ele tinha fama de destruir navios que poluíam o mar e embarcações de piratas.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade