2 eventos ao vivo

Campinas tem mais 1 morte por gripe; total no País é de 57

29 jul 2009
12h57
atualizado às 13h10

A Secretaria Municipal de Saúde de Campinas confirmou nesta quarta-feira mais uma morte na cidade em decorrência do vírus Influenza A (H1N1), da gripe suína. A vítima, que morreu na segunda-feira, era uma mulher de 48 anos que estava internada desde o dia 22 de julho. De acordo com a secretaria, ela tinha outra doença que comprometia o sistema imunológico, chamada de comorbidade.

» Veja que cuidados tomar contra a gripe suína
» Três Estados prorrogam férias de 8 mi de alunos


» Prefeitura de SP prorroga férias escolares por gripe suína
» Adolescente com gripe suína deixa hospital após 37 dias

Na cidade, outros três pacientes tiveram a confirmação da doença: uma gestante de 17 anos, um homem de 26 anos e uma menina de 11 anos. Todos estão em processo de recuperação e passam bem, segundo a secretaria.

Com mais essa morte, já são 78 casos confirmados da doença na cidade, sendo dois óbitos. No Estado de São Paulo, o número passa a 28 e, no País, chega a 57.

Férias prorrogadas
Como forma de evitar a disseminação da doença, as secretarias estaduais de Educação do Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal decidiram adiar o reinício das aulas, após as férias escolares. A medida vai afetar pelo menos 8,5 milhões de estudantes.

Os alunos que deveriam retornar às salas de aula na próxima segunda-feira no Rio Grande do Sul, dia 3 de agosto, só deverão voltar no dia 17. Em São Paulo, as aulas para os 5,3 milhões de estudantes também serão retomadas apenas no dia 17.

Já no Rio de Janeiro, as aulas recomeçam no dia 10. No Distrito Federal, as férias de 520 mil alunos iriam terminar no dia 27 de julho e foram adiadas para o dia 3 de agosto.

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade