Visita do Papa

Visita do Papa

Domingo, 13 de maio de 2007, 20h53

"Tenho de ser contra o aborto", diz José Alencar

O vice-presidente da República, José Alencar, se posicionou contra o aborto pouco depois de se despedir do papa Bento XVI na Base Aérea de Guarulhos (SP). "Tenho de ser contra o aborto porque sou o 11º filho de uma família de 15 irmãos e se papai e mamãe pudessem, depois colocar 10 filhos no mundo, eles teriam parado. Vocês não teriam perdido muita coisa, mas eu teria", declarou.

» Veja as imagens do Papa no Brasil
» Bento XVI critica capitalismo
» Confira reações às opiniões do Papa
» Veja as frases do Papa no Brasil
» Conheça a biografia do papa Bento XVI
» Opine sobre a visita do Papa
» vc repórter: Mande fotos e notícias

Pouco antes, em seu discurso ao lado do Papa, Alencar disse que existem inúmeros valores e preocupações que unem a Igreja Católica e o Estado brasileiro. Entre eles, citou a preocupação com o futuro dos jovens, expressa nos investimentos em educação, com a família, por meio das moradias populares, e com o "destino da humanidade". "Compartilhamos que existe um vazio de esperança na globalização", afirmou.

Alencar ressaltou que a presença do Papa no Brasil vai ajudar na reflexão sobre o problema da violência. "As pessoas vão compreender que o desamor não compensa. Enquanto não compreendermos que é preciso amar ao próximo, não temos como enfrentar a violência", disse.

O vice-presidente destacou ainda o carinho do povo testemunhado pelo Papa e que a canonização do primeiro santo brasileiro, Antônio de Sant'Anna Galvão, "marcará para sempre a religiosidade do País".

  • Imprima esta notícia
  • Envie esta notícia por e-mail
Junior Lago/Futura Press O vice-presidente se despediu do Papa em nome do governo brasileiro O vice-presidente se despediu do Papa em nome do governo brasileiro

Busca

Busque outras notícias no Terra: