0

vc repórter: morre Mello Alvarenga, especialista em Justiça Agrária

7 jul 2010
11h54
atualizado às 13h24

Morreu nesta terça-feira o presidente da Sociedade Nacional de Agricultura (SNA), Octavio Junqueira Mello Alvarenga, vítima de câncer. Nascido em Belo Horizonte (MG), em 1926, ele era especialista em Direito Agrário e considerado um dos maiores conhecedores dos problemas fundiários do país.

Defendeu a criação de uma Justiça Agrária especializada e assumiu, em julho de 2009, a presidência da Comissão Permanente de Direito Agrário do Instituto de Advogados Brasileiros (IAB-RJ).

Além de advogado, Mello Alvarenga era escritor, e estava à frente da Academia Nacional de Agricultura. Único latino-americano eleito para Academia de Agricultura da França, Alvarenga é criador da Faculdade de Ciências Agroambientais (FAGRAM). Sucedeu Luiz Simões Lopes na presidência da SNA desde 1979.

Como escritor, foi autor de 18 livros, sendo 12 de ensaios, poesias, crítica literária, romances e biografias. Recebeu dois prêmios Walmap de Literatura (em 1967 e 1971) com os livros Judeu Nuquim e Sexta-Feira, 16. Escreveu ainda seis livros sobre Direito Agrário, Meio Ambiente e Agricultura.

Em nota, a SNA informa que o sepultamento será realizado às 16h desta quarta-feira, 7/7, no Cemitério São João Batista, no Rio de Janeiro. O velório é realizado desde as 9h na capela 1.

A Sociedade Nacional de Agricultura foi fundada no Rio de Janeiro em 1897, como instituição privada, sem fins lucrativos, com a finalidade de congregar interessados na prática da agricultura.

O internauta José Carlos Pereira de Carvalho, do Rio de Janeiro (RJ), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui.

vc repórter

compartilhe

publicidade
publicidade