0

Vai procurar uma r***: Malafaia e Boechat viram memes na web

Internautas não perdoaram pastor após "duelo" de xingamentos que teve com jornalista

21 jun 2015
11h02
atualizado às 14h59
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Ricardo Boechat e Silas Malafaia "quebraram a internet" nos últimos dias. Após a troca de acusações protagonizada por ambos na última sexta-feira (18), o jornalista da rádio BandNews FM e o pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo estiveram entre os assuntos mais comentados das redes sociais - e, como acontece sempre que um tema ganha evidência na web, rapidamente se transformaram em memes. 

Siga Terra Notícias no Twitter

Foto: Twitter / Reprodução

Tudo começou quando o pastor escreveu um tweet chamando o jornalista de "idiota" e o acusou de estar o "desafiando" para um debate. Em seguida, o jornalista, por sua vez, xingou no ar o pastor de "homofóbico", "otário" e "paspalhão" e o mandou "procurar uma r***". Sobrou para o passarinho

Foto: Twitter / Reprodução

Embora tenha sido criticado por alguns internautas pela maneira com que se exaltou, Boechat foi elogiado por outros por ter enfrentado Malafaia, conhecido por já ter feito declarações bastante ofensivas a homossexuais

Foto: Twitter / Reprodução

A frase, então, apareceu em outdoors, livros e filmes

Foto: Reprodução
Foto: Twitter / Reprodução
Foto: Twitter / Reprodução

Alguns sugeriram ao pastor onde procurá-la. No Google ou na cidade de Rolândia, localizada no Paraná, por exemplo

Foto: Twitter / Reprodução
Foto: Twitter / Reprodução

E até o ex-presidente Lula apareceu na brincadeira

Foto: Twitter / Reprodução
Foto: Twitter / Reprodução

Confira abaixo alguns tweets sobre o caso:

Apesar da manifestação de internautas contra o pastor, alguns defenderam Malafaia e rechaçaram Boechat.

 

Não apoio o Silas Malafaia e nem suas atitudes, mas muito menos a resposta do Boecha. Me entristece ver cristãos...

Posted by Rafael Zacharias on Sábado, 20 de junho de 2015
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade