PUBLICIDADE

SP: interdição em ponte complica trânsito na Castello Branco

23 nov 2011 09h39
Publicidade

A interdição total da ponte dos Remédios, na zona oeste de São Paulo, após o desabamento de parte da mureta de proteção no início da madrugada desta quarta-feira, provocava reflexos no trânsito na chegada à capital paulista. Até as 9h30 a ponte estava bloqueada para carros, e não havia previsão de liberação.

Segundo a Via Oeste, concessionária responsável pela administração da rodovia Castello Branco, a interdição provocava um congestionamento de 6 km na chegada à capital. O trânsito na via estava complicado entre o km 19 e o km 13 da pista expressa, e entre os km 18 e 13 da pista marginal.

Por volta das 9h30, a CET registrava 71 km de congestionamento em toda a cidade. Segundo a Companhia, a interdição na ponte provocava, diretamente, 2 km de congestionamento na pista expressa da Marginal Tietê, sentido Castello Branco, entre as pontes Atílio Fontana e dos Remédios.

Para além do acidente, os piores trechos registrados pela CET eram a pista expressa da Marginal Pinheiros, sentido Interlagos, com 6 km de lentidão entre as pontes Ary Torres e Transamérica, e a avenida dos Bandeirantes, que apresentava 5,1 km de lentidão no sentido Marginal Pinheiros, entre os viadutos Aliomar Baleeiro e Santo Amaro.

Um trecho de  cerca de 15 m de concreto da mureta caiu dentro do rio no começo da madrugada
Um trecho de cerca de 15 m de concreto da mureta caiu dentro do rio no começo da madrugada
Foto: Edno Luan / Futura Press
Fonte: Terra
Publicidade