0

SP: carreta com 45 mil l de etanol tomba e despeja combustível em rodovia

Acidente ocorreu quando motorista da carreta fazia contorno sob o viaduto na SP-320

16 jul 2013
10h51
atualizado às 10h55
  • separator
  • 0
  • comentários

Uma carreta carregada com 45 mil litros de etanol tombou na manhã desta terça-feira no quilômetro 554 da rodovia estadual Euclides da Cunha (SP-320), no município de Fernandópolis (SP). O acidente provocou derramamento de combustível no asfalto e obrigou a Polícia Rodoviária a interromper o tráfego de veículos numa das pistas da rodovia. Bombeiros trabalhavam para conter o vazamento de combustível e evitar riscos de explosão.

Ao fazer a curva e passar por um desnível do asfalto, o motorista perdeu o controle de veículo, causando o acidente
Ao fazer a curva e passar por um desnível do asfalto, o motorista perdeu o controle de veículo, causando o acidente
Foto: Chico Siqueira / Especial para Terra

O acidente ocorreu quando o motorista da carreta fazia o contorno sob o viaduto de acesso da rodovia Percy Semeghini, sentido Euclides da Cunha. Ao fazer a curva e passar por um desnível do asfalto, o motorista perdeu o controle de veículo, causando o acidente. A carga seria levada a Arujá, na Grande São Paulo. O motorista e o ajudante tiveram de ser retirados pelo para-brisa do veículo, que teve de ser quebrado pelas equipes de bombeiros que atenderam a ocorrência.

Com ferimentos leves, eles foram conduzidos à Santa Casa de Fernandópolis, onde ficaram em observação. O acidente obrigou a Polícia Rodoviária a interditar a pista sul da rodovia e a desviar o tráfego para a alça de acesso da rodovia Percy Semeghini. Os bombeiros continuavam fazendo a segurança do local, já que um dos tanques da carreta apresentou vazamentos e há riscos de incêndio e explosão.

Para evitar um possível curto-circuito, a parte elétrica da carreta e dos tanques foi desligada. A expectativa nesta manhã era de que parte do combustível pudesse ser retirada e transferida para outro caminhão-tanque. Somente depois disso é que a carreta será removida da pista, operação que pode demorar todo o dia.

Fonte: Especial para Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade