1 evento ao vivo

Satiagraha: governo bloqueia US$ 2 bi enviados ao exterior

22 jan 2009
12h17
atualizado às 12h35

Laryssa Borges

Direto de Brasília

O Ministério da Justiça informou nesta quinta-feira que conseguiu bloquear mais de US$ 2 bilhões que haviam sido enviados ao exterior pela quadrilha desbaratada na operação Satiagraha, da Polícia Federal. A paralisação da movimentação dos ativos suspeitos é a maior da história do Brasil.

De acordo com o Ministério da Justiça, não é possível confirmar neste momento que os recursos são do banqueiro Daniel Dantas, que chegou a ser presos duas vezes após a Satiagraha ter sido deflagrada. Um acordo entre os países que participaram da transação, entre os quais os Estados Unidos, proíbe a divulgação dos nomes dos titulares das contas bancárias no exterior e os locais onde foram realizados os bloqueios, sob pena de atrapalhar a continuidade das investigações.

A Secretaria Nacional de Justiça, vinculada ao ministro da Justiça, Tarso Genro, coordenou o bloqueio do dinheiro e caberá ao Departamento de Recuperação de Ativos trabalhar pela repatriação do volume apreendido.

A operação Satiagraha colocou atrás das grades o banqueiro Daniel Dantas, controlador do grupo Opportunity, o ex-prefeito de São Paulo, Celso Pitta, e o investidor Naji Nahas. Todos estão em livres por decisão judicial. Dantas chegou a ser condenado a dez anos de prisão e ao pagamento de multa de R$ 12 milhões, mas recorre da sentença em liberdade.

Fonte: Redação Terra
publicidade