1 evento ao vivo

Presidente da CPI critica descaso com crianças desaparecidas

4 fev 2010
12h34
atualizado às 12h57

A presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Desaparecimento de Crianças e Adolescentes, deputada Bel Mesquita (PMDB-PA), criticou nesta quinta-feira o fato de que o país já dispõe de um cadastro único decarros roubados, mas não de crianças e adolescentesdesaparecidos.

"Se um carro é roubado em Minas Gerais, podeter certeza de que lá no Rio Grande do Sul eles sabem que ele foiroubado. Mas de uma criança que desapareceu em Luziânia (GO), aBahia não sabe", disse, ao falar sobre desaparecimento de seisadolescentes no município goiano no mês passado. "Podem ficarsabendo pela mídia, mas não por um cadastro", afirmou.

Após entregar um requerimento pedindo a participação da Polícia Federalnas investigações atualmente coordenadas pela Polícia Civil deGoiás, a deputada afirmou não descartar a possibilidade de umainvestigação paralela pela CPI, caso o requerimento não sejaaceito.

"A participação da Polícia Federal depende daSecretaria de Segurança Pública de Goiás. Acreditamos que não énenhuma interferência, mas um auxílio, uma ajuda", disse. Aparlamentar adiantou que vai pedir a participação do ministro daJustiça, Tarso Genro, e do secretário executivo da pasta, LuizPaulo Barreto, em nova audiência pública, na próxima semana.

Agência Brasil Agência Brasil
publicidade