6 eventos ao vivo

PR: aprovação do "Ficha Limpa" faz deputado desistir da política

5 mai 2010
20h23
atualizado em 7/5/2010 às 21h38
Roger Pereira
Direto de Curitiba

O deputado estadual paranaense Jocelito Canto (PTB) declarou-se a primeira vítima do projeto Ficha Limpa, que teve o texto básico aprovado nesta madrugada pela Câmara dos Deputados. Canto anunciou, nesta quarta-feira, que deixará a vida pública, desistindo de candidatar-se à reeleição, em outubro. O deputado, que responde a mais de 30 ações e já tem algumas condenações em primeira instância, disse que antecipa-se e atende à vontade da população que, com mais de 1,5 milhão de assinaturas, quis que políticos com condenação em primeiro grau fossem impedidos de disputar a eleição, embora discorde do projeto.

"A Constituição Federal garante que ninguém pode ser condenado sem antes do processo transitar em julgado, mas respeito a vontade popular e me antecipo, abrindo espaço para a renovação", disse o deputado, que afirmou que concluirá seus sete meses de mandato.

Canto disse que suas condenações são resultado de perseguição política. A maioria das ações contra ele são do período em que foi prefeito de Ponta Grossa, entre 1997 e 2000. "Para me derrubar, entraram com mais de 30 processos contra mim, e alguns acabaram me pegando", disse. "Claro que cometi alguns erros, erros administrativos, de um jovem de 31 anos que assumiu a prefeitura sem experiência", disse o deputado. "Há processos que respondo que acho que realmente devo", afirmou.

Fonte: Especial para Terra

compartilhe

publicidade
publicidade