0

Padre confessa à CPI da Pedofilia que abusou de coroinhas

18 abr 2010
22h24
atualizado às 22h56
  • separator

Um padre confessou neste domingo à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pedofilia, que acontece em Arapiraca (AL), a 137 km de Maceió, que abusou sexualmente de coroinhas menores de idade e admitiu ser homossexual. Ele recebeu a delação premiada por colaborar com a CPI denunciando o esquema de pedofilia que ocorria na Igreja São José.

Em depoimento de seis horas de duração ao senador Magno Malta (PR-ES), que preside a CPI, o padre afirmou também que dois monsenhores que negaram conhecimento das orgias com coroinhas sabiam dos abusos.

Veja também:

Ministro da Saúde alerta para aumento de casos da covid-19 no interior do Brasil
Fonte: Redação Terra
publicidade