0

Geddel deixa Integração por governo da BA; secretário assume

31 mar 2010
18h58
atualizado em 15/4/2010 às 09h54

O ministro da Integração Nacional Geddel Vieira Lima (PMDB) transmitiu o cargo para seu antigo secretário-executivo na pasta, João Reis Santana Filho, nesta quarta-feira. O peemedebista é pré-candidato ao governo do Estado da Bahia e deve enfrentar o atual governador, o petista Jacques Wagner.

O prazo para desincompatibilização para aqueles que pretendem concorrer a algum cargo eletivo termina no próximo sábado (2 de abril). Pelo menos 11 ministros de Lula devem disputar as eleições.

O novo titular da pasta trabalha desde 2007 no ministério. Santana disse que dará continuidade às ações com maior celeridade. "Vai continuar tudo do mesmo modo que vinha sendo, talvez um pouco mais acelerado, porque o presidente Lula quer que a gente acelere um pouco mais", disse.

Nessa quarta, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a reclamar do racha entre PT e PMDB no Estado da Bahia e disse que, se dependesse dele, os dois não seriam adversários políticos na região e tampouco abandonariam qualquer projeto de unidade no Estado.

"Não gostaria que tivesse divergência. Se vocês dois (Wagner e Geddel) me obedecessem, não teria. Mas o desejo de cada um a gente não pode evitar", disse o presidente durante a cerimônia de posse de dez novos ministros.

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade