PUBLICIDADE

Segurança de Serra agride repórter em coletiva de imprensa

24 jul 2012 19h41
| atualizado às 19h47
Publicidade

Um repórter da rádio Jovem Pan FM de São Paulo recebeu um soco e um chute de um segurança de José Serra (PSDB), durante entrevista coletiva concedida pelo candidato nesta terça-feira. O candidato tucano falava com a imprensa após visitar o bairro Parelheiros, na zona Sul paulistana.

O candidato do PMDB à Prefeitura de São Paulo, Gabriel Chalita, participou de uma carreata na zona norte da capital
O candidato do PMDB à Prefeitura de São Paulo, Gabriel Chalita, participou de uma carreata na zona norte da capital
Foto: Cacalos Garrastazu/Flickr Gabriel Chalita / Divulgação

Veja o cenário eleitoral nas capitais
Veja os salários dos prefeitos e vereadores das capitais

Segundo o jornalista, o segurança tentou encerrar a coletiva dizendo "acabou, acabou, tira a mão (com o gravador) daqui". O repórter manteve sua posição e respondeu que a entrevista ainda não acabara. "Então ele me deu um murro na parte esquerda das costas e chutou minha canela", conta.

Os outros profissionais da imprensa teriam então começado a questionar o segurança sobre o que ele estava fazendo, perguntando seu nome, ao que ele teria respondido chamar-se Issardi. Segundo o jornalista, que costuma acompanhar a agenda do candidato, o segurança não faz parte da equipe que normalmente é vista resguardando Serra.

Depois do ocorrido, segundo o repórter, o chefe da segurança do tucano telefonou pedindo desculpas e informou que o profissional já fora repreendido e seria transferido. A assessoria de Serra não soube confirmar o que foi feito em relação ao segurança, porque nesse caso as providências "seriam tomadas pela equipe de segurança". Foi confirmado, apenas, o pedido de desculpas ao jornalista.

Fonte: Terra
Publicidade