0

Rogério Ceni declara voto em Serra e manda abraço para Barbosa

19 out 2012
14h20
atualizado às 17h45
Hermano Freitas
Direto de São Paulo

O goleiro e ídolo do São Paulo, Rogério Ceni, declarou na tarde desta sexta-feira apoio à candidatura de José Serra (PSDB) a prefeito de São Paulo. Em um encontro promovido pelo vereador reeleito Marco Aurélio Cunha (PSD), no Museu do Futebol no Estádio do Pacaembu, o jogador disse que não perderia a oportunidade de votar no candidato no 2º turno. "Opa, eu e todos lá em casa. Nunca deixei de votar desde 89", declarou Ceni, questionado se teria tempo de votar.

Consulte os candidatos a prefeito em todo o PaísVeja os salários dos prefeitos e vereadores das capitais

O ex-governador de São Paulo comparou política com futebol e disse que é necessário "lutar até o último minuto". Ceni aproveitou para "mandar um abraço" ao ministro Joaquim Barbosa, relator do processo do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF). "É um alento que tenha gente como ele. Se se (sic) candidatasse era eleito na hora", declarou o atleta.

O ídolo do tricolor do Morumbi também comparou a política a um jogo de futebol. E disse ser possível que Serra vire o resultado negativo nas pesquisas de intenção de voto.

Na brincadeira do chute a gol, Serra cobrou um penâlti em Rogério. Ao contrário de outra vez, em que perdeu o sapato, desta o candidato teve o cuidado de chutar as bolas sem os sapatos, apenas com as meias, e conseguiu marcar o gol.

Rogério Ceni participou de evento da campanha de José Serra (PSDB) na tarde desta sexta-feira
Rogério Ceni participou de evento da campanha de José Serra (PSDB) na tarde desta sexta-feira
Foto: Hermano Freitas / Terra
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade