1 evento ao vivo

PT vai pedir impugnação de Roberto Cláudio por crimes eleitorais

1 nov 2012
13h49
atualizado às 13h58

O PT de Fortaleza decidiu nesta quinta-feira que vai entrar na Justiça Eleitoral com pedido de impugnação do prefeito eleito Roberto Cláudio (PSB). Até a próxima semana, segundo o presidente municipal da legenda, Raimundo Ângelo, os petistas reúnem provas de crimes eleitorais que teriam sido cometidos pelos adversários de Elmano de Freitas (PT) no último domingo.

O PSB oficializou no dia 23 de junho a candidatura de Roberto Cláudio a prefeito
O PSB oficializou no dia 23 de junho a candidatura de Roberto Cláudio a prefeito
Foto: Omar Jacob / Terra

Veja o cenário eleitoral no País
Veja os salários dos prefeitos e vereadores das capitais

"Não reconhecemos o resultado eleitoral, porque houve vários crimes eleitorais, como compra de voto, boca de urna, distribuição de camisetas em larga escala, carro de som circulando nos colégios eleitorais", enumero Ângelo. A decisão de entrar na Justiça contra o rival socialista foi tomada em reunião da executiva municipal com os vereadores eleitos Guilherme Sampaio (PT), Acrísio Sena (PT), Deodato Ramalho (PT) e Ronivaldo Maia (PT).

Em nota à imprensa, o PT da capital cearense também afirma que vai assumir "oposição vigilante ao projeto capitaneado pela família Ferreira Gomes (do governador Cid Gomes e do ex-deputado federal Ciro Gomes, ambos do PSB) em Fortaleza, do qual Roberto Cláudio se referencia".

Também nesta quinta-feira, Roberto Cláudio deu entrevista coletiva em que repudiou "esse tipo de postura do PT". O prefeito classificou as declarações do adversário nas urnas de "ofensa à população de Fortaleza", alegando que ao dizer que houve compra de votos, os rivais afirmam que os eleitores da capital cearense se venderam. Na ocasião, o candidato eleito do PSB também reclamou que até o momento e prefeitura da cidade ainda não se manifestou sobre o processo de transição.

No domingo, Cláudio ganhou o segundo turno das eleições com 650.067 votos, 53,02% do total. Elmano, candidato do PT à prefeitura fortalezense, ficou com 576.435 votos, 46,98% do total.

Fonte: Terra
publicidade