PUBLICIDADE

México parabeniza Dilma e expressa interesse de integração

1 nov 2010 17h03
| atualizado às 18h38
Publicidade

O presidente mexicano, Felipe Calderón, parabenizou nesta segunda-feira (1º), por telefone, Dilma Rousseff (PT) por sua vitória nas eleições presidenciais do Brasil e disse esperar trabalhar em conjunto pela integração da América Latina, informou seu gabinete.

Calderón falou pela manhã desta segunda com Dilma, convidando-a a uma visita ao México e expressando seu interesse em "fortalecer a relação bilateral e em trabalhar de maneira conjunta pela integração da América Latina", afirmou um comunicado presidencial.

Em fevereiro, Brasil e México, que são respectivamente as duas principais economias da América Latina, anunciaram suas intenções de explorar a negociação de um "acordo estratégico de integração econômica", que poderia incluir um tratado de livre comércio bilateral.

Como primeiro passo, em maio, grupos técnicos de ambos os países se reuniram na Cidade do México para iniciar a análise das regras dos dois países em matéria de tarifas, setor de serviços, investimento estrangeiro, compras governamentais e propriedade intelectual.

Somados, Brasil e México representam 70% do Produto Interno Bruto (PIB) e 50% da população da América Latina, ainda que as trocas comerciais tenham sido de apenas 7.400 milhões de dólares em 2008.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
Publicidade