PUBLICIDADE

Mesária é presa acusada de fazer boca de urna na Paraíba

31 out 2010 15h21
Publicidade
Beth Torres
Direto de João Pessoa

A Polícia Federal prendeu neste domingo, em Patos, a 305 km de João Pessoa, uma mesária acusada de fazer boca de urna dentro da seção 65, que funciona na escola Monsenhor Vieira, na 65ª zona eleitoral da cidade. O nome da mulher e o candidato para quem ela estaria pedindo voto não foram divulgados.

A mulher foi conduzida à sede da delegacia da Polícia Federal em Patos para prestar depoimento. A prisão da mesária foi determinada pela juíza Ana Hilário, após o eleitor Emerson Paulo denunciar o suposto crime eleitoral.

Fonte: Especial para Terra
Publicidade