PUBLICIDADE

Marina declara R$ 24,1 milhões em gastos de campanha

1 nov 2010 17h53
Publicidade
Laryssa Borges
Direto de Brasília

Terceira colocada na corrida presidencial que deu vitória à Dilma Rousseff (PT), a ex-ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, apresentou nesta segunda-feira (1º) ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) prestação final de contas em que registra despesas e receitas no valor de R$ 24.108.859,74. A prestação de contas do vice de Marina, o empresário Guilherme Leal, por sua vez, foi oficializada no valor de R$ 82.150.

A estimativa inicial da presidenciável, que conseguiu mais de 19 milhões de votos na primeira etapa do processo eleitoral, era de R$ 90 milhões em arrecadação.

Às vésperas do prazo final estabelecido pela Justiça Eleitoral para que candidatos, partidos políticos e comitês financeiros que concorreram no primeiro turno das eleições façam a prestação de contas, - o prazo vence nesta terça (2) - o comitê financeiro da candidata do Partido Verde na corrida pelo Palácio do Planalto também apresentou a prestação de arrecadação ao Poder Judiciário, que inclui desde contribuições de R$ 5 no cartão de crédito até doações de R$ 100 mil de pessoas físicas por meio de transferências bancárias.

O tucano José Serra e a presidente eleita Dilma Rousseff, que disputaram o turno suplementar neste domingo (31), têm, de acordo com a legislação, prazo até o dia 30 de novembro para apresentar suas prestações de contas.

Presidente Lula e a presidente eleita, Dilma Rousseff, comemoram nesta madrugada a vitória no Palácio da Alvorada
Presidente Lula e a presidente eleita, Dilma Rousseff, comemoram nesta madrugada a vitória no Palácio da Alvorada
Foto: Ricardo Stuckert / Divulgação
Fonte: Terra
Publicidade