0

Dilma muda de ideia e desfilará acompanhada da filha

31 dez 2010
17h16
atualizado às 17h34
Luciana Cobucci
Direto de Brasília

A presidente eleita, Dilma Rousseff, vai desfilar acompanhada da filha Paula Rousseff Araújo, 34 anos, durante a cerimônia de posse, neste sábado, 1º de janeiro de 2011. Até então, Dilma havia decidido sair sozinha, sem a mãe ou a filha, durante o percurso que vai da Granja do Torto, uma das residências oficiais da Presidência, até o Congresso Nacional, onde Dilma fará um juramento à Constituição Federal por volta das 14h30.

Paula ganhou notoriedade durante a campanha presidencial por dar à luz Gabriel, o primeiro neto de Dilma, que nasceu em setembro de 2010. À época, a assessoria da então candidata divulgou uma foto em que a avó embalava o neto nos braços.

Tradicionalmente, o presidente eleito desfila no Rolls Royce presidencial acompanhado da mulher. Dilma, no entanto, é divorciada, e foi desaconselhada pela assessoria a desfilar ao lado do vice-presidente eleito, Michel Temer. O vice sairá, acompanhado da mulher, num carro atrás de Dilma. A princípio está previsto que ambos desfilem em carro aberto. Se chover, no entanto, Dilma e Temer sairão em carros fechados.

Após desfilar no carro com a filha, Dilma subirá a rampa do Palácio do Planalto para receber a faixa presidencial das mãos de Lula. A cerimônia está prevista para as 16h30 e pode ser transferida para o interior do Palácio caso chova no momento.

Logo após receber a faixa de presidente, por volta das 17h, Dilma fará seu primeiro discurso à nação, que deve durar entre 30 e 40 minutos. Logo depois do pronunciamento, tomam posse os 37 ministros anunciados por Dilma ao longo dos últimos dois meses. As cerimônias previstas para a posse terminam às 18h30, com um coquetel que será oferecido às autoridades e chefes de Estado convidados, no Palácio do Itamaraty. O coquetel deve terminar às 21h.

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade