0

Dilma e Lula discutem criscimento econômico em fórum na França

10 dez 2012
11h22
atualizado às 12h31

A presidente Dilma Rousseff inicia na terça-feira uma visita de Estado à França, onde será recebida no palácio presidencial do Eliseu por seu colega francês François Hollande. Os dois irão inaugurar o Fórum pelo Progresso Social, dedicado ao crescimento econômico. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva falará no dia 12 de dezembro, segundo e último dia do evento.

Presidente Dilma Rousseff durante chegada a Paris
Presidente Dilma Rousseff durante chegada a Paris
Foto: Roberto Stuckert Filho/PR / Divulgação

Esta "primeira visita bilateral à França de Dilma Rousseff desde sua eleição" é "muito importante e demonstra a força e a solidariedade das relações entre nossos dois países", declarou na segunda-feira o porta-voz do ministério francês das Relações Exteriores, Philippe Lalliot.

A respeito da licitação brasileira para a compra de 36 aviões de combate, que conta com a participação do Rafale, da empresa francesa Dassault, competindo com o F/A-18 Super Hornet da americana Boeing e com o Gripen NG da sueca Saab, o porta-voz afirmou que "se trata de uma decisão soberana" do Brasil.

"A presidente Dilma Rousseff conhece a qualidade de nossa associação, em particular em relação à transferência de tecnologia" e "sabe, porque demonstramos na execução de contratos anteriores, a qualidade e a realidade dos compromissos da França no tema", disse Lalliot, acrescentando que "tem todos os elementos para decidir quando desejar".

Depois de sua chegada e da cerimônia de recepção na manhã de terça-feira, Dilma será recebida durante a tarde por Hollande no Palácio do Eliseu. Os dois presidentes concederão após a reunião uma coletiva de imprensa conjunta. Durante a noite participarão de um jantar de gala em homenagem à presidente brasileira.

Antes, François Hollande e Dilma Rousseff devem inaugurar um "Fórum do Progresso Social", cujo objetivo é "reinstalar o crescimento no centro do debate público mundial". Este encontro é organizado conjuntamente pela Fundação Jean Jaures (França) e pelo Instituto Lula (Brasil).

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 

compartilhe

publicidade