0

Cid Gomes toma posse para o segundo mandato no Ceará

1 jan 2011
12h11
atualizado às 14h06
Aécio Santiago
Direto de Fortaleza

O governador reeleito do Ceará, Cid Gomes (PSB), foi empossado às 10h30 (horário local) na Assembleia Legislativa do Estado. Também tomou posse o vice-governador eleito Domingos Filho (PMDB), durante cerimônia presidida pelo deputado Gony Arruda (PSDB).

O evento começou com mais de uma hora de atraso e contou com a presença do senador Eunício Oliveira (PMDB), do ex-deputado Ciro Gomes, além de prefeitos e secretários.

Cid Gomes foi reeleito no primeiro turno com 2.436.940 votos (61,27%). Ele venceu a disputa com ampla vantagem sobre seus principais concorrentes, Marcos Cals (PSDB), que teve 19,51%, e Lúcio Alcântara (PR), 16,44%. Cid é irmão de uma das figuras mais polêmicas oriundas da política cearense, o deputado federal Ciro Gomes (PSB), que também já foi governador do Estado.

Durante a campanha, o governador foi alvo dos outros adversários. Ele foi indagado em um dos debates sobre uma viagem que teria feito a Nova York com recursos públicos. Gomes também recorreu à Justiça contra a revista Veja, que afirmou, em uma nota, que ele tinha em seu nome um apartamento localizado na mesma cidade americana. Na lista do patrimônio do candidato, ele declarou ter R$ 511 mil em bens e o único apartamento citado, de R$ 230 mil, fica na capital cearense.

Na última semana da campanha na TV e no rádio, Cid Gomes ocupou espaços com direito de resposta nos programas dos candidatos Lúcio Alcântara (PR) e Marcos Cals (PSDB). Ao todo, foram 29 direitos de resposta nos programas dos concorrentes.

A coligação de Cid Gomes, Por um Ceará melhor para todos, foi composta pelos partidos PRB, PDT, PT, PMDB, PSC, PSB e PC do B, e teve como vice na chapa o peemedebista Domingos Aguiar Filho.

A porcentagem de votação deste ano foi semelhante aos 62,38% que Gomes alcançou quando ele foi eleito governador pela primeira vez em 2006. Naquele mesmo ano, Gomes assumiu a coordenação do segundo turno da campanha de Lula que buscava a reeleição à Presidência da República.

Cid Gomes obteve seu primeiro cargo político 1991, como deputado estadual pelo PMDB. Em 1995, Cid Gomes iniciou mandato na Assembleia Legislativa do Ceará. No ano seguinte, foi eleito prefeito de Sobral, cargo para o qual foi reconduzido em 2000. No início de 2005, Cid se mudou para Washington, nos Estados Unidos, onde exerceu a função de consultor do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Nascido em Sobral em 27 de abril de 1963, Cid Gomes começou sua vida política no Centro Acadêmico do Curso de Engenharia da Universidade Federal do Ceará (UFC). Desde então, conquistou várias vitórias em sua trajetória. Em 1995, aos 32 anos, foi eleito, por unanimidade, presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, tornando-se o mais jovem chefe do Poder Legislativo.

Reeleito, Cid Gomes (PSB) governará o Ceará com promessa de melhorar o turismo do Estado
Reeleito, Cid Gomes (PSB) governará o Ceará com promessa de melhorar o turismo do Estado
Foto: Aécio Santiago / Especial para Terra
Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade