1 evento ao vivo

Avaliação do governo e popularidade de Dilma desabam em pesquisa CNT/MDA

16 jul 2013
11h04
atualizado às 11h13

As manifestações populares que tomaram as ruas em todo o país continuam cobrando seu preço do governo da presidente Dilma Rousseff, que viu sua avaliação positiva despencar para 31,3 por cento neste mês, ante 54,2 por cento em junho, mostrou pesquisa CNT/MDA divulgada nesta terça-feira.

Segundo o levantamento do instituto MDA e encomendado pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), 38,7 por cento veem o governo como regular, ante 35,6 por cento no mês passado. Já a avaliação negativa mais do que triplicou, passando a 29,5 por cento, ante 9 por cento. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais.

A aprovação do desempenho pessoal de Dilma desabou para 49,3 por cento neste mês, ante os 73,7 por cento registrados em junho.

No principal cenário para a eleição presidencial do ano que vem, Dilma aparece com 33,4 por cento das intenções de voto, seguida por Marina Silva (sem partido), com 20,7 por cento, Aécio Neves (PSDB), com 15,2 por cento, e Eduardo Campos (PSB) com 7,4 por cento.

Foram entrevistadas 2.002 pessoas entre os dias 7 e 10 de julho, em 134 municípios de 20 Estados das cinco regiões do país.

(Reportagem de Jeferson Ribeiro)

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
publicidade